Ah ! As mulheres!


O fim de semana foi ótimo. Parceria boa, pessoas legais que a gente vai conhecendo e descobrindo que novos amigos são sempre bem vindos na vida.

Mulheres juntas sempre resultam em um encontro explosivo, se forem solteiras então, nem se fala, sempre sai algo de surpreendente, junte três mulheres prontas para diversão, resultado? um programa delicioso no ultimo findi.

Então, assunto vai assunto vem, e entre um chopp e outro, revelações começam a ser feitas, as mulheres na minha opinião nem precisam de muito estimulo para falar sobre suas vidas, seja na parte pessoal ou não, basta se sentirem seguras e pronto! Ta feito o confessionário.

Mas voltando, começamos, ou melhor, terminamos falando em sexo claro! Eu não tenho nenhum problema de entrar nessa pauta, seja com homens ou mulheres, isso fruto de uma criação saudável em que conversas abertas são rotina até hoje.

Então com essa cara de pau que Deus me deu, e que até já me colocou em situações inusitadas, soltei aquela pergunta... Com quantos caras elas já haviam estado? é isso mesmo, transado, feito sexo, amor, dê o nome que quiser.

Bom foi uma gargalhada geral! Até pensei, agora vai rolar uma mentira coletiva, até eu já tava tentando sair pela tangente.

No inicio um certo constrangimento, risadas meio nervosas, mas em alguns minutos estávamos todas tentando lembrar dos ditos.

Imagine três mulheres, na faixa dos 30 anos, contando nos dedos quantos eram os felizardos! Sim, porque são felizardos os que estiveram conosco, (tá...se não enchermos nossa bola quem vai fazer), e pior, depois que dei a pauta pensei:

- E agora Renata? tu não lembra de todos... bah! Uma devassa total! Loca!!! Vai dizer que não lembra? Ou mentir???

Mas essa crise de consciência durou exatos 15 seg. até porque não sou de ter crises de consciência, pelo menos não com isso.

E sabe que foi muito engraçado! Porque também, somos mulheres bem resolvidas, solteiras, diplomadas, viajadas, na real menos de 15 seria ridículo! Considerando claro, os relacionamentos mais longos.

Estabelecemos então uma média, não caberia aqui colocar em números, na boa não é relevante, mas ficamos em mais de 10 e menos de 40.

Acho razoável, considerando nossa faixa etária.

Mas foi legal lembrar de tanta coisa depois de alguns anos, foi no mínimo divertido, e pior, constatamos que alguns fazemos questão de esquecer, nisso todas concordaram.

Na verdade, o número não importa, isso foi só uma brincadeira, sabemos com certeza que no momento certo, todos foram importantes à sua maneira... Mesmo que por pouco tempo, com amor, com tesão, com paixão ou somente com atração.

O que importa realmente é estar de bem consigo mesma, se divertir e fazer tudo consciente.

Ta afim? Faça! Divirta- se!!! Com cuidado e sempre tomando as devidas precauções, lógico!!!

No final a noite terminou com as três dançando música dos anos 80, comendo um mega xis com muita gordura saturada e rindo muito do assunto!

E claro! Teve um momento no meio da madruga em que uma de nós falou:

“E aí gurias, lembrei do 35!!”

Mas quem foi? Isso só quem tava lá pra saber! rs

Bjoss a todos... E boa semana!

 
 
 
 

Postar um comentário 2 comentários:

disse...
Este comentário foi removido pelo autor.

21 de maio de 2008 16:05

disse...

aham!!!
e eu sei quem tava lá, hehe!
papo de capitu... a dúvida sempre é a melhor resposta! ;)
bjooo

21 de maio de 2008 16:13

Postar um comentário